Translate

segunda-feira, 10 de fevereiro de 2014

A ESSÊNCIA DA LEI É O AMOR





Precisamos não apenas como cristãos,mas como seres humanos... enxergarmos os marginalizados de todos os tipos, em sua essência, como eles são. E deixarmos de lado nossa superioridade. Não existe nada mais  lindo e mais nobre, do que nos aprofundarmos na dor do outro, tentando sempre, trazer a melhor solução... sem julgamentos ou conclusões precipitadas.

Em João: 1-11 nos é contada a história de uma mulher que foi pega em adultério e todos queriam apedrejá-la. Mas Jesus diante daquele povo irado com a adúltera, lhes disse: Aquele que não possuí nenhum pecado, que atire a primeira pedra. E um à um foram indo embora, até ficar somente Cristo e a pecadora. E completou dizendo: Se eles não te julgaram eu também não a julgarei, vá em paz e não peques mais.

Vocês entendem o que Cristo fez nesse momento? A grandiosidade de seu coração e sabedoria tamanha?

Ele fez com que cada um se colocasse no lugar daquela mulher. Suas palavras foram como um espelho para o povo naquele momento. Todos olharam para dentro de si e viram o quanto eram pecadores, que também necessitavam da graça de Deus, tão quanto aquela mulher.
Jesus era o único que poderia apedrejá-la; pois não tinha nenhuma mancha. E mesmo assim, não o fez.

Portanto, quem somos nós para julgar o nosso semelhante?

Deus nos diz isto HOJE:
Vá , e não peques mais. O seu passado pra mim não importa, eu o amo em sua essência, com todos os seus defeitos. Venha até mim, e eu limparei e livrarei o seu coração de todo e quaquer mal.

Lembrem-se:  a essência da lei é o amor, o amor ao próximo.

Beijinhos